Criar conflitos no trabalho


Ambiente de Trabalho

SAPO Emprego

Comportamentos a evitar.

Se nos fosse pedido para avaliar o ambiente de trabalho e a relação entre colaboradores da empresa, a maior parte de nós era capaz de enumerar rapidamente um vasto rol de reclamações sobre o comportamento e atitudes de colegas, chefias e todas as pessoas com quem convivemos diariamente.
Por regra, estamos tão preocupados em comentar e julgar os comportamentos dos outros que nos esquecemos de olhar para a forma como nos comportamos e reagimos no dia-a-dia. E quando o problema não está no “colega do lado”, mas em nós? Procurámos saber quais as questões mais susceptíveis de gerar conflitos no local de trabalho.

# Não cumprimentar os colegas. É obviamente interpretado como sinal de falta de educação deixar de cumprimentar os colegas ou despedir-se deles, pelo menos no que diz respeito aos que estão mais próximos de si.

# Atender telefonemas pessoais durante reuniões de trabalho. Qualquer tipo de chamada telefónica deve ser ignorada durante uma reunião de trabalho, especialmente se estas forem de cariz pessoal. Se lhe parecer que o assunto pode ser urgente, saia de forma discreta e evite ausentar-se por muito tempo.

# Colocar o telefone em alta voz. Pode ser uma solução prática mas, a não ser que tenha um gabinete individual, absolutamente proibida! É muito desagradável aguentar conversas telefónicas em alta voz ou ficar a ouvir os sinais de indicação de espera ou de telefone interrompido.

# Fumar perto dos colegas.  Obrigar os outros a conviver com o seu vicio é, no mínimo, uma atitude desrespeitadora. Se a sua empresa não tem normas específicas sobre os locais em que é proibido fumar, saiba “auto-regular-se” e respeitar os direitos dos não-fumadores.

# Não saber medir as palavras.  Estar constantemente a resmungar ou utilizar uma linguagem imprópria, são comportamentos criticados pela maioria das pessoas. Lembre-se que, por mais informal que seja, este não deixa de ser o seu ambiente de trabalho e importa saber cumprir algumas regras.

# Mexer ou utilizar material dos outros sem pedir autorização.
Desde os tempos da escola que aprendemos que não se deve fazer uso do que é dos outros sem o seu consentimento. Pior ainda, é devolver coisas emprestadas, em mau estado ou danificadas.

# “Meter-se” na vida alheia. Mais frequente em espaços de open-space, ouvir as conversas dos colegas ou espreitar o que estão a fazer é verdadeiramente incomodativo. Seja discreto, e, ainda que não consiga evitar ouvir, a boa-educação obriga a que se faça de distraído ou tente ignorar.

# Não preservar o local de trabalho.
Deverá ter o cuidado de manter o seu espaço organizado e limpo, sobretudo se está em local de passagem ou “à vista de todos”. O cuidado deverá ser redobrado, em relação aos espaços e equipamentos comuns.

#- Não pedir desculpas. Quando se apercebe que “foi longe demais” seja humilde e saiba desculpar-se pelos seus actos. Igualmente, é importante saber dar o braço a torcer durante uma discussão quando se apercebe que a razão não está do seu lado.

# Estar sempre a “pedinchar”. Não queira ser o colega que está constantemente a pedir favores: seja um cigarro, trocos para o café, ajuda com a fotocopiadora, atender o seu telefone… O espírito de entreajuda é normal entre colegas mas convém saber retribuir favores de vez em quando!

Publicidade

Siga-nos em:
Twitter   Facebook   LinkedIn   RSS   MEO Kanal - SAPO Emprego