Cinco carreiras que não dispensam o inglês


Desenvolvimento de Carreira

SAPO Emprego

As carreiras que exigem o uso quotidiano da língua inglesa falada e escrita

O domínio da língua inglesa é fundamental se pensa seguir um destes caminhos profissionais.
Uma pós-graduação e uma lista considerável de soft skills podem ser fundamentais na altura de conseguir aquele emprego de sonho. Mas é importante ter em conta o domínio de pelo menos uma segunda língua.
No que toca ao mundo profissional e dos negócios, o inglês – terceira língua mais falada no mundo – continua a ser um fator determinante, independentemente de exercer a profissão em Portugal ou no estrangeiro.
Existem mesmo algumas carreiras que exigem o uso quotidiano da língua inglesa falada e escrita.

TI e Tecnologia
Num setor em constante mudança, a aprendizagem é feita de forma geral através de conteúdos em inglês. Os próprios produtos surgem, num primeiro momento, nesta língua. E muitos deles, como o caso das linguagens de programação, nem sequer são traduzidos. Para além do mais, as empresas desta área mantêm filiais em diversos países, usando o inglês como idioma preferencial para os contactos entre parceiros.

Administração
Quer trabalhe em Portugal ou além-fronteiras, o mais certo é um administrativo ter de lidar, por exemplo, com clientes ou fornecedores estrangeiros. Atender o telefone, responder a um e-mail ou preparar uma reunião em inglês serão tarefas comuns, uma vez que a língua é a mais usada no campo dos negócios.

Marketing
A globalização do mercado obriga ao domínio do inglês para vencer nesta área. Importa destacar que grande parte da inguagem do marketing tem origem inglesa. Para além disso, tanto a comunicação com parceiros como a atualização de competências são levadas a cabo nesta língua.

Turismo
O inglês é o idioma oficial desta indústria. Se pensa enveredar por uma carreira no setor, é fundamental que o domine, quer planeie vender numa agência de viagens, ficar à frente de uma receção ou ser guia turístico. É importante salientar que o turismo não é apenas praia e monumentos, mas também viagens de negócios, o que requer conhecimentos específicos por parte dos profissionais.

Comércio e relações internacionais
Terceira língua mais falada no mundo, o inglês é fundamental se pensa seguir uma destas carreiras. Encetar diálogos, redigir documentos e manter-se atualizado serão apenas das funções, mas não se esqueça que o uso da língua começará logo no processo de candidatura, o que inclui o CV, carta de apresentação e entrevista.


Em parceria com WSE

Publicidade

Siga-nos em:
Twitter   Facebook   LinkedIn   RSS   MEO Kanal - SAPO Emprego