Um CV a 100 por cento


CV & Candidaturas

SAPO Emprego

A informação na percentagem certa!

Todos sabemos que um Curriculum completo mas sucinto, disponibilizando toda a informação necessária de forma simples e intuitiva, não é tarefa fácil! Para o ajudar, reunimos algumas linhas orientadoras que o podem ajudar na organização de um CV eficaz, longe dos modelos rígidos que alguns procuram para elaborar o seu Curriculum.

Confira a relevância que deve ser dada a cada área para construir um Curriculum 100% seguro, com toda a informação na percentagem certa! 

2% de Dados Pessoais  - Limite a informação pessoal aos dados que sejam realmente importantes (nome, contacto, idade) ou que tenham sido especificamente solicitados (carta de condução, por exemplo). Tenha em mente que, para além da identificação do candidato, esta área não tem excepcional importância para o seleccionador nem acrescenta nada de relevo ao seu perfil profissional.  

27% de Habilitações Académicas    Sendo um campo particularmente decisivo para aqueles com pouca experiência profissional, não deve, em caso, algum ser descurada a sua importância. Independentemente das suas habilitações, indique o grau mais elevado que obteve e a instituição que frequentou. Preferencialmente, deverá também incluir datas de início e conclusão, área de formação e média de classificação (caso seja favorável ou directamente solicitada). Apesar de ser uma informação importante, tenha algum discernimento pois não é necessário disponibilizar informação desde a escola primária!

38% de Experiência Profissional  - Esta é a área primordial do seu CV, e onde o foco principal onde se concentra a atenção do seleccionador. Não se limite a referir datas e quais os cargos que ocupou, aproveite para enumerar as principais responsabilidades, objectivos alcançados e projectos desenvolvidos. Ser demasiado generalista ou vago pode prejudicar a análise das suas competências.

12% de Formação Complementar  - Muitas vezes é neste campo que os seleccionadores procuram algo que evidencie determinado candidato. Face a percursos profissionais semelhantes e habilitações idênticas, poderão ser os cursos de formação ou especialização profissional, conferências, seminários ou workshops a marcar a diferença.

5% de Informações Complementares  – Esta área poderá ser um indicador das suas preferências pessoais, ajudando o seleccionador a completar o perfil do candidato pela análise curricular. Aproveite para dar destaque a actividades culturais, desportivas, sindicais e associativas que, de algum modo, possam dar um contributo positivo para o seu perfil.

 16%  de Ortografia, Apresentação e Organização - Como reflexo de si próprio, a imagem do seu Curriculum é fundamental. Um português correcto, aliado a uma estrutura sóbria e de simples leitura, serão o melhor cartão de visita para o seleccionador.

Publicidade

Siga-nos em:
Twitter   Facebook   LinkedIn   RSS   MEO Kanal - SAPO Emprego