Recusar um Emprego


Ambiente de Trabalho

SAPO Emprego

Como dizer "não" a uma oportunidade.

Com o actual nível de desemprego pode parecer um contra-senso falar em recusas de emprego. No entanto, várias podem ser as razões a motivar um “não” a uma oferta de trabalho: um salário demasiado baixo, uma localização pouco conveniente ou, simplesmente, a oportunidade não ser suficientemente aliciante para deixar o seu actual emprego.
Se está seriamente a pensar em recusar uma oferta de emprego, ajudamo-lo a agir da melhor forma:
 
# Não desperdice oportunidades. Antes de recusar uma oferta, saiba sempre o que têm para lhe oferecer. Juízos antecipados sobre a empresa ou as funções podem faze-lo perder boas oportunidades.

# Certifique-se que a sua resposta é mesmo negativa. Analise bem as opções e pondere a sua decisão. Depois de recusar a oferta em questão, dificilmente poderá volta atrás.

# Seja breve a transmitir a sua decisão. Informe a empresa assim que estiver seguro da decisão que tomou. Desta forma, poderão recomeçar mais rapidamente a procurar uma nova pessoa.

# Deixe sempre uma “porta aberta”. Uma dica recorrente, quando se trata de procura de emprego. Reforce a ideia que a oferta em causa não é a mais apropriada para si neste momento, mas não transforme o seu “não” em algo definitivo. É importante deixar uma porta aberta para oportunidades que possam surgir no futuro.

# Seja educado, mas frontal. Mostre claramente que está a recusar a oferta e não se ponha com demasiados rodeios que possam confundir o seu interlocutor.

# Agradeça sempre a oportunidade. É importante agradecer a proposta que lhe foi feita e o tempo e consideração que lhe foram dispensados. Não só por uma questão de cortesia, mas, como já foi dito, para evitar fechar portas para o futuro.

# Justifique-se. Sublinhe o facto de esta ter sido uma decisão difícil de tomar e muito bem ponderada. Poderá indicar algumas razões que basearam a sua recusa, mas evite entrar em demasiados pormenores.

# Complemente o contacto. Após o contacto telefónico ou pessoal, envie um e-mail ou carta dirigido à pessoa que fez a proposta.

Siga-nos em:
Twitter   Facebook   LinkedIn   RSS